E dai?

 

moreno

não é nada complicado, é só comprimir, sem medo, contato de peles, existem coisas bem mais difíceis você não acha? polegar com dedo médio, plá,plá, olha o trompete, a bateria de fundo, os dedos plá plá, Miles Davis. se liga no mar, a areia molhada, os caminhantes numa depressão paulistana e o instrumento do gênio reverberando sem limite. fazemos o dia como a gente deseja, tá dentro de nós essa radiação que afeta os insensatos. ébano, já atravessou bravas marés, já esteve assim como você, mergulhado no nada e vazio é espaço para se ocupar. vamos bebericar esse destilado, sem gelo, quente,  som, sabor, dedos plá plá, vamos animar nosso cordão, fluir nessa batida boa, fora toda neura, dentro a paz, mais um trago, dois, vaza pela dispersão qualquer sensação de infelicidade, não é o primeiro dia do resto de nossas vidas e sim, o de mais um carnaval, plá plá,

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s